3 Dicas Para Conseguir os Dados do Cliente no Ponto de Vendas

Sabemos da importância que o banco de dados dos clientes tem para uma empresa, principalmente se essa pretende realizar estratégias de comunicação como e-mail marketing ou mala direta. Entretanto, manter as fichas de cadastro dos clientes atualizadas não é tarefa fácil. A maioria das pessoas tem receio em fornecer seus dados pessoais, e a culpa disso é das empresas.

 

Um dos motivos para que haja resistência por parte do cliente é que as lojas se utilizam dos dados cadastrais de maneira abusiva, invadindo sua privacidade. Além disso, a maioria dos formulários são extensos e tomam muito tempo para serem preenchidos. Somados, esses e outros motivos fazem com que o cliente tenha aversão ao cadastramento de dados. Quem perde, obviamente, é a empresa.

 

E quando estamos falando da loja física – o ponto de venda em sim – a dificuldade para conseguir o cadastro do cliente é maior ainda. Na loja virtual, o procedimento de preencher dados pessoais é comum a todos os usuários. Entretanto, no PDV a compra se realiza sem que qualquer dado muito específico precise ser coletado. Então, é necessário dos lojistas muito carisma e criatividade para conseguir “arrancar” do cliente aquelas informações tão desejadas.

 

Confira algumas dicas para conquistar a confiança do cliente na loja física e aumentar exponencialmente seu banco de dados:

 

Peça os dados mais comuns como nome completo, e-mail e telefone no caixa. O momento em que o cliente está finalizando a compra é o mais propício para pedir informações básicas como essas. Pense bem se outros dados como endereço e CPF são realmente importantes para sua empresa antes de sair pedindo tudo. Esse deve ser um procedimento rápido, até porque você não pode deixar os clientes que estão atrás, na fila, esperando por muito tempo.

 

Crie promoções para as datas comemorativas como dia das mães, dia dos namorados, natal etc. Você pode sortear uma viagem entre os cadastrados ou oferecer um brinde especial para quem preencher seu formulário. Ações como essas ajudam na construção de imagem da marca, deixam os clientes mais satisfeitos com a compra e, claro, são uma maneira menos invasiva de conseguir os dados de cadastro.

Converse com o cliente sobre as vantagens de preencher o seu cadastro. Explique que a loja quer mantê-lo informado sobre as novas coleções, sobre os eventos que vai realizar. Também deixe claro que essa comunicação pode ser bilateral: assim que o cliente desejar entrar em contato com a loja, ele conseguirá fazê-lo com mais agilidade por esses meios.