Brasil: e-commerce sem especialistas de verdade?

Por André Santos*

Falar de educação no Brasil sempre foi um tema delicado, os números sempre mentem com relação ao que o Governo fala e o que realmente é. O país vive uma decadência no segmento e a cada ano amargamos nos índices de desenvolvimento.

Em muitas viagens que fiz pelo Brasil em visitas a empreendedores digitais sempre ouvia falar que a mão de obra qualificada é precária, uma rotatividade enorme de colaboradores e pouco investimento das empresas em seus colaboradores.

Consultando alguns cursos de aprimoramento em várias áreas do segmento de marketing digital percebi que os valores em alguns centros acadêmicos são bem elevados e com conteúdo pobre; o que por muitas vezes piora o quadro de especialização.

Não faltam casos onde muitas empresas contratam especialista em Google ADwords para liderar equipes de até 50 pessoas sem nenhuma especialização ou conhecimento em liderança e gestão.

Este texto não tem a pretensão de ser uma referencia para solução da educação no mercado de e-commerce no Brasil, mas uma forma de expor a real situação e como administrarmos para melhorar.

Em muitas empresas encontramos analistas de projetos sem conhecer o que seria realmente a tríplice restrição de um, analistas de produtos sem conhecer do produto que se propõe a desenvolver, supervisores de marketing que não conhecem completamente como aplicar os cálculos de ROI.

Falta no mercado pessoas comprometidas com a causa da indústria digital, seja como docente, seja como discente. Golpes existem por todos os lados e precisamos entender como se especializar com verdadeiros profissionais e empresas de competência.

Regras para gestão de carreira no e-commerce

  • Estude as oportunidades existentes em sua empresa e no mercado
  • Desenvolva seu plano de carreira, mesma que sua empresa não possua.
  • Estabeleça metas razoáveis
  • Utilize formas de mensurar: etapas de conquistas, cursos efetivados.
  • Especialize-se naquilo que te inspira, te motiva e vá em frente.
  • Escolha as melhores escolas, melhores centros acadêmicos e centro de ensino especializado.

Assim como uma loja virtual precisa de investimento, a especialização também e garanto que em médio prazo os resultados são infalíveis.

Até a próxima!

*Professor Especialista André Santos

Formado pela Universidade Estácio de Sá em Administração de Empresas, MBA em Marketing e Vendas pela FGV. Já capacitou cerca de 50.000 empreendedores em eventos como Ciclo MPE.Net, SEBRAE, Primeiro E-commerce e Universidade MercadoLivre. Fundador do site EcommercePME , uma plataforma de conteúdo que visa capacitar médios e pequenos empreendedores que desejam adquirir conhecimento em comércio eletrônico e inserir suas empresa na nova economia digital. Idealizador da startup Melhor Idade Brasil, plataforma de conteúdo sobre longevidade e bem – estar no Brasil.