Crescimento do E-commerce em 2019 foi Acima do Previsto

Crescimento do E-commerce em 2019

90% das lojas virtuais são microempresas, que geram 320 mil empregos diretos e quase meio milhão de empregos indiretos

A ABComm divulgou o fechamento dos números do e-commerce em 2019, com crescimento de 23%, contra 18% previstos no início do ano. Isso representa um faturamento de R$ 89,8 bilhões. Os principais responsáveis por esse crescimento são os marketplaces, que juntos, somam mais de 115 mil lojas virtuais em atividade no país, de acordo com a Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (ABComm).

O segmento de marketplaces responde por 35% do movimento, e a participação das PMEs atingiu 29% do total, segundo a entidade. Mesmo durante o período mais agudo da crise, o setor vem registrando crescimento acima de 10%, o que contribui positivamente para o crescimento do E-commerce. Em 2016 foi de 11%; em 2017, 12%; e em 2018, 15%.

O número de lojas virtuais ativas também registrou expansão, segundo a Associação. Eram 65 mil em 2016, subiu para 81 mil ao final dos 12 meses seguintes e atingiu 98 mil em 2018.

O presidente da ABComm, Mauricio Salvador, diz que as compras eletrônicas continuam sendo forte tendência no gosto dos consumidores. Ele lembra que o setor vem crescendo muito acima da média dos outros setores e que mais de 90% das lojas virtuais são microempresas, que geram 320 mil empregos diretos e quase meio milhão de empregos indiretos. Também ressalta a importância dos smartphones para o setor. “Ter uma loja virtual adaptada aos dispositivos móveis é condição indispensável para vender pela internet”, afirma Salvador, que ainda destaca o impulso nas vendas de datas comemorativas como Dia da Mães, Dia dos Namorados, Dia dos Pais e Natal, além da Black Friday.

Sobre a ABComm

Fundada em 2012, a Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (ABComm) conta com mais de nove mil empresas associadas. A entidade surgiu para fomentar o setor de e-commerce com informações relevantes, além de contribuir para seu crescimento no país. A associação reúne representantes de lojas virtuais e prestadores de serviços nas áreas de tecnologia da informação, mídia e meios de pagamento, atuando frente às instituições governamentais, em prol da evolução do setor. A entidade sem fins lucrativos é presidida por Mauricio Salvador e conta com diretorias específicas criadas para fomentar todo o setor, entre elas: Novos Negócios; Relações Governamentais; Mídias Digitais; Relações Internacionais; Meios de Pagamento; Capacitação; Desenvolvimento Tecnológico; Empreendedorismo e Startups; Jurídica; Métricas e Inteligência de Mercado; Crimes Eletrônicos; e Marketing. Para mais informações, acesse: www.abcomm.org.

 

Informações à imprensa

NB Press Comunicação

Helena Garufi/ Nicole Barros

Tel.: 55 11 3254 6464 / São Paulo / SP

11 99937-3715

E-mail: Abcomm@nbpress.com;