Crescimento do E-commerce no Brasil em 2020

O E-commerce deve crescer 18% em 2020

crescimento do E-commerce no Brasil tem sido na casa de dois digitos nos últimos anos. Assim deve continuar nos próximos, segundo dados da Associação Brasileira de Comércio Eletrônico, ABComm. Criar uma loja virtual está cada vez mais acessível aos empreendedores digitais brasileiros. Montar uma loja virtual é rápido e barato. Em alguns casos não é preciso nem ter produtos em estoque para começar a vender pela Internet.

Por outro lado, há o grande número de consumidores que comprarm pela primeira vez pela Internet, tendo boa experiência, se tornam fãs do e-commerce no Brasil. A boa notícia é que a previsão de crescimento do E-commerce no Brasil em 2020 continua sendo positiva e relevante, como foi nos últimos anos.

crescimento do e-commerce em 2019 surpreendeu até mesmo os analistas do setor. Segundo estudo da ABComm, a estimativa de crescimento do e-commerce no Brasil em 2019, que era de 18%, foi superada, e o setor de comércio eletrônico fechou 2019 na casa de 23%.

O faturamento do e-commerce em 2019 foi de R$ 89,8 bilhões. Para o ano de 2020 a expectativa de crescimento do e-commerce continua otimista. O volume financeiro do e-commerce no Brasil deve atingir pela primeira vez a casa dos 100 bilhões de Reais, atingindo o total de R$ 106 bilhões.

Isso representa um crescimento de 18% em relação ao ano anterior.

Aumento nas Compras por Celulares

O aumento na quantidade de lojas virtuais no Brasil tem sido puxado pela mudança no perfil do consumidor, que tem papel fundamental no crescimento do e-commerce. Os serviços estão melhor estruturados, a demanda está sendo coberta com uma excelente qualidade, que torna a experiência boa e faz com que as pessoas voltem a comprar, e melhor ainda, espalhem para todos que vale a pena comprar na Internet.

Aliado a isso estão as novas tecnologias, que garantem mais segurança nas operações, com transações criptografadas e sistemas antifraude eficientes. As lojas virtuais brasileiras estão cada vez mais adaptadas aos dispositivos mobiles, tais como smartphones e tablets. Com essa união de fatores, o E-commerce no Brasil deve chegar ao final do ano com cerca de 68 milhões de brasileiros que já realizaram compras online.

As compras feitas através de celulares crescem a cada ano. Em 2020 aproximadamente 37% nas compras feitas pela Internet no Brasil, serão feitas através de celulares. Para se ter uma idéia, em 2013, somente 15% das vendas online eram feitas nesses dispositivos.

Portanto, se você tem ou quer abrir uma loja virtual para vender produtos ou serviços, procure por uma plataforma de e-commerce que esteja otimizada para celulares. A navegação nos celulares tem particularidades, dinâmica, intuitividade e carregamento das páginas diferente do computador de mesa.

Crescimento dos Marketplaces no Brasil

Outro fator que contribui muito para o crescimento do e-commerce no Brasil, é o aumento das vendas através de marketplaces. Sites tais como Mercado Livre, Amazon, Americanas, Submarino, Magazine Luiza e Elo7, apenas para citar alguns dos principais marketplaces no Brasil, têm crescido vertiginosamente nos últimos anos.

Ainda de acordo com dados da ABComm, em 2020 as vendas feitas através de marketplaces representarão 38% do total das vendas no e-commerce. Essa participação era de apenas 15% em 2013. A boa notícia é que o crescimento dos marketplaces traz também oportunidades para micro e pequenas empresas crescerem sua participação no e-commerce.

Outro aspecto interessante a ser observado no crescimento dos marketplaces é que traz para o mercado um novo player: a indústria. Muitos fabricantes começaram a fazer vendas diretas de seus produtos, através dos marketplaces. No entanto, qualquer que seja o modelo de negócios que a empresa queira seguir, não pode ficar dependente somente de marketplaces como canal de vendas e distribuição, pois as comissões cobradas são relativamente elevadas.

A ComSchool oferece um Curso de Gestão de Marketplaces, que ensina na prática as melhores estratégias desse canal.

Aproveite a onda do crescimento do E-commerce no Brasil e mergulhe de cabeça nesse mercado. Temos mais de 200 cursos de e-commerce em diferentes níveis, presenciais ou à distância, com professores de mercado, para você se posicionar de melhor forma e surfar essa onda!