5 Plugins para SEO em WordPress

Muitas vezes quando uma pessoa contrata a empresa para desenvolver o seu site ou até mesmo criar um blog de relacionamento com os seus clientes ou seguidores, os proprietários acabam se deparando com algumas dificuldades na hora de fazer o SEO (Search Engine Optimization) para o seu projeto.

Muitos sabem quais são os princípios de SEO, como o Google olha para o seu site e até mesmo o que tem que fazer.

Mas, a grande dificuldade é como fazer, como instalar tudo isso no meu blog já que eu não sou programador?

Escolher um CMS como o WordPress na hora de contratar ou criar um site, facilita muito o usuário fazer qualquer manutenção no conteúdo já que o WordPress é uma plataforma simples e dinâmica.

No WordPress existem plugins para tudo que você necessita dentro de um site. Irei apresentar os 5 melhores plugins quando falamos de SEO, esses plugins irão facilitar muito a sua vida e você não vai mais precisar entrar na fila da “TI”.

Muitos só conhecem o plugin mais famoso de SEO em WordPress que é o “Yoast”, mas temos plugins para todas as tarefas de SEO dentro do WordPress.

E você vai verificar como o seu trabalho em busca dos primeiros lugares do Google vai ficar cada dia mais fácil.

  1. WordPress SEO by Yoast

Sem dúvida nenhuma é o plugin mais conhecido quando falamos em SEO em WordPress é o Yoast. Não é para menos, o plugin é fácil de usar e com certeza vai te colocar no caminho certo para otimizar suas páginas.

O Yoast além de listar os itens que necessitam de melhoria na sua página, ele ainda analisa a legitimidade do conteúdo.

No meu ponto de vista, o que é o grande destaque do plugin, é a maneira que ele analisa todos os itens técnicos da página, como Title, description, “ALT” das imagens, conteúdo e outros detalhes técnicos antes da página ser publicada.

Assim, quando a sua página entrar no ar, você já tem certeza que ela estará otimizada.

Depois de instalar e ativar o plugin dentro do WordPress, o Yoast iniciará de forma automática a avaliação das páginas do seu site ou blog.

Quando você entrar na página escolhida para otimizar, você vai encontrar do lado direito duas bolinhas. Uma representando o SEO da página e a outra representando a legitimidade do conteúdo.

A comunicação escolhida pelo plugin foi a mesma utilizada nos semáforos, então caso a bolinha estiver com a cor verde, significa que o SEO daquela página está bom, a cor amarela, que o SEO está OK e a cor vermelha, que o SEO necessita de muitas melhorias.

Logo abaixo na página o plugin lista tudo que precisa melhorar no SEO com base na palavra-chave escolhida. E só seguir o caminho indicado pelo plugin, que o SEO técnico da sua página estará perfeito.

 

  1. SEO Redirection by Yoast

Uma das tarefas mais rotineiras para um analista de SEO são os redirect, seja ele o 301 quando é um redirect definitivo, ou o 302 para o redirect temporário.

Muitas das plataformas já têm essa funcionalidade, principalmente as plataformas de E-commerce, mas outras não, fazendo com que o processo necessite de um programador para realizar os redirects.

Caso o seu site esteja em wordpress você não precisará mais deste profissional. O WordPress tem o plugin SEO Redirection que facilitará muito a vida de qualquer analista nesta tarefa de redirecionamento.

O SEO redirection tem um design simples, direto e muito funcional. Como a maioria dos plugins, existe a opção paga, mais a versão gratuita já ajuda na maioria dos sites.

O plugin SEO redirection, diferente dos outros que tradicionalmente criam uma nova aba no menu lateral esquerda da plataforma, esse plugin, depois de instalado ficará dentro da opção configuração do menu lateral. Essa tela abaixo é a página inicial do plugin.

Primeira coisa é clicar no botão +Add New.

Na segunda tela, o usuário vai encontrar o espaço para inserir a url base e a url de destino.

É simplesmente inserir as duas urls e escolher o tipo de redirecionamento, que pode ser o 301 ou o 302. Estará feito o redirecionamento sem a famosa burocracia.

 

  1. SEO Friendly Images

É fundamental que todas as imagens tenham um nome único e um “ALT” que realmente representa a imagem já que o Google não consegue identificar com perfeição as imagens, e o atributo “ALT” vai falar para o robô do Google sobre o que realmente significa cada imagem.

O trabalho de otimizar imagem é cansativo que requer tempo, por isso muitas pessoas não gostam de fazer e acaba deixando essa etapa importante sem preencher.

Com o plugin friendly images você tem a certeza que todas as suas imagens estarão otimizadas com nome e “ALT”.

Depois de instalado e ativado o plugin, o usuário vai até a aba de configuração para determinar o que vai querer no “ALT” e no Title da imagem.

Caso você não mude nada, o plugin vai colocar automaticamente o nome da imagem seguida do título da postagem para o “ALT” e o título da postagem para o Title.

Ponto negativo:

Caso você tenha mais de uma imagem na página, o plugin vai colocar o mesmo “ALT” e Title para todas as imagens da página.

  1. WP Super Cache

Nem todo mundo sabe que quando aumenta o tráfego do seu site mais veloz o serviço de hospedagem tem que ser.

Isso porque para cada usuário que acessa o site, o serviço de hospedagem tem que juntar todos os recursos e informações da página para apresentar aos usuários o site por completo.

Uma vez aumentando o número de acesso, mais recursos a hospedagem vai precisar para não impactar na experiência do usuário.

Este plugin possibilita criar uma versão do fichário ou página de acesso, independente da hospedagem, quando o usuário entrar no site por qualquer que seja o caminho, a página já estará preparada para carregar, diminuindo o tempo de carregamento e melhorando a experiência do usuário.

Depois de instalado e ativado o plugin, você vai precisar configurar as informações.

No lado esquerdo do painel você escolhe a opção WP Super Cache e seleciona a Caching On. Com isso você acaba de criar uma página de acesso rápido.

Depois desses passos o cache vai ficar ativo no seu site melhorando a experiência do usuário.

  1. Google XML Sitemap

Todo mundo sabe da importância do arquivo Sitemap.xml para melhorar o entendimento do Google sobre o seu site, mas muitos não sabem como criar um arquivo ou até mesmo como e onde é instalado esse documento.

O Sitemap.xml é um arquivo com a lista completa das URLs, que é instalado na raiz do site.

Quando o Crawler entra no seu site, ele usa esse documento para entender e conhecer todas as URLs do seu site, e consequentemente melhorar a indexação e ranqueamento das páginas.

A dinâmica de criação deste arquivo pode se tornar uma grande dificuldade no processo de trabalho.

Caso o seu site tenha criação de conteúdo diariamente e apresentar dificuldade de conseguir indexar algumas páginas, ou até mesmo, se o seu site for novo com poucos links apontando para ele, você terá que criar todos os dias um novo arquivo e solicitar para o “TI” subir na raiz do site, e isso, atrapalha muito o trabalho.

Observação: O arquivo Sitemap não pode conter mais de 50.000 URLs ou ultrapassar 10 MB, por isso que alguns sites dividem esse arquivo por categoria.

Na plataforma Worpress você encontra o plugin chamado Google XML Sitemap que atualiza o arquivo sempre que você criar uma nova postagem ou subir uma nova página no seu site ou blog. Mas, antes de utilizar o plugin você terá que configurá-lo na plataforma.

A primeira coisa que você terá que fazer é criar dois arquivos na raiz do seu site, um chamado sitemap.xml.gz e outro chamado sitemap.xml para o plugin usar como referência.

Em ambos você terá que alterar a permissão de escrita para chmod 775 ou 777. Caso não tenha conhecimento desta tarefa será o único momento que você vai precisar de uma programador.

Depois de subir o arquivo na raiz, você vai precisar acessar o plugin Google XML Sitemap para cadastrar o arquivo Sitemap no Google.

Dentro do plugin digite o endereço do seu site na opção “Add Site” (Ex: http://www.nomedoblog.com) e clique em OK.

Escolha a opção “Add Sitemap”, após a opção “General Web Sitemap”. Selecione todos os checkboxes e cole o endereço do seu Sitemap (ex: http://www.nomedoblog.com/sitemap.xml).

Para finalizar clique em “Add Web Sitemap”.

Felipe Muniz – Formado em Publicidade e Propaganda, especialista em SEO e atualmente analista de SEO na iHouse Web, agência de Marketing Digital que atende grandes marcas nos segmentos de moda, tecnologia e e-commerce.

Se você se interessou e quer aprender do zero as técnicas de SEO, confira o Curso de SEO na Prática e tenha autoridade no assunto!